Tudo era especial em “Blood Sugar Sex Magik”. Até mesmo a capa, desenhada por um tatuador a partir de fotografias do festejado diretor indie Gus Van Sant

Após anos chutando na trave, o quarteto californiano finalmente estufou as redes ao encontrar-se com o “professor” Rick Rubin, entregando um disco bombástico e correndo para o abraço das multidões; Trinta anos depois, revisito a sua história, tentando entender porque continua soando tão bem

Em 2021, talvez já não haja…


A icônica capa de “Is This It”, em fotografia de Colin Lane

Nos 20 anos do melhor álbum de rock do século 21, é hora de revisitar esta fábula tipicamente nova-iorquina, protagonizada por uma inspirada gangue de moços bem-nascidos

Não importa que os Strokes já não importem mais. Eu sempre agradecerei a estes garotos brancos nova-iorquinos bem-nascidos por terem gravado “Is This…


Um cão da da raça húngara komondor salta na capa de “Odelay”: bem-vindos ao maravilhosamente estranho mundo de Beck (Projeto gráfico do próprio artista)

Em seu segundo disco oficial, o doidinho favorito do mainstream promoveu o encontro da ciência sampleadora com o pop e consolidou um subgênero musical próprio, levando sua mistureba magistral às paradas e ao Grammy

Popularizado pelos produtores de hip-hop nos anos 1980, o ofício de samplear foi tão explorado nas…


Rock das Aranha: Todd Brashear, Brian McMahan, Britt Walford e David Pajo na icônica capa de “Spiderland” (Projeto gráfico de Brashear com foto de Will Oldham)

Há 30 anos, quatro moleques do Kentucky radiografavam a estranheza da América Branca com agudeza de cineasta indie, lançando as pedras fundamentais do post-rock e do slowcore

1990. No porão de uma casa familiar típica de classe média branca de Louisville, Kentucky, quatro garotos de 19 e 20 anos ensaiam…


A capa de “Station To Station”, com foto de Steve Shapiro de cena do filme “O Homem Que Caiu Sobre A Terra”, de Nicolas Roeg, protagonizado por Bowie: um alienígena abrindo portas para o futuro

Há 45 anos o astro iniciava a mais espantosa de suas várias mudanças de estilo, se despedindo de seu sonho americano rumo a uma Europa imaginária; cinco anos após a morte do ícone, é hora de revisitar um de seus trabalhos mais fascinantes, que moldou a sonoridade da década seguinte


George Clinton emerge da nave-mãe na capa cô(s)mica de “Mothersip Connection”, assinada pelo estúdio californiano Gribbitt!

Há 45 anos o Parliament de George Clinton pervertia o som criado por James Brown, estacionando sua nave-mãe lisérgica nas paradas de sucesso

“Não tentem consertar seus aparelhos de rádio; não há nada de errado. Nós assumimos o controle para apresentar um programa especial”. São necessários apenas sete segundos para…


Arte: Gunter Sarfert

A turnê que os Talking Heads fizeram com os Ramones pela Europa entre abril e junho de 1977, após gravarem o seu álbum de estreia “Talking Heads: 77” foi determinante para a sua trajetória. Mesmo com o tratamento frio recebido pelos companheiros de ônibus — “não falávamos muito com aqueles…


A mítica — e controversa — capa de “Closer”: arte de Peter Saville a partir de fotografia de Bernard Pierre Wolff

Existe uma viela em minha alma cujo endereço só consigo rastrear ao som dos 44 minutos e 16 segundos de “Closer”, segundo e último álbum oficial de estúdio do Joy Division. É um lugar frio, contemplativo, de onde se avista uma beleza profundamente triste, fácil de enxergar, mas difícil de…

Daniel Setti

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store